Postagens

10 mandamentos do texto

Mensagens nota 10
É dezembro. O mês dá passagem à escrita. Escrevemos cartões, e-mails, recadinhos. O importante é passar mensagens claras e sedutoras. Como chegar lá? Mantenha o olho no leitor e siga estes mandamentos. 
Seja adequado A língua se parece a imenso armário. Nele há todos os tipos de roupas. O desafio: escolher a mais adequada para o momento. A piscina pede biquíni, maiô, sunga. O baile de gala, longo e black-tie. O cineminha, traje esporte. Trocar as vestes tem nome. É inadequação. O mesmo princípio orienta o texto. Não se trata de certo ou errado. Mas de adequado ou inadequado. 
Seja claro Montaigne, há 400 anos, disse que o estilo tem três virtudes. A primeira: clareza. A segunda: clareza. A terceira: clareza. Graças a ela, o receptor entende a mensagem sem ambiguidades. Como ensina Íñigo Dominguez, “uma frase tem de estar construída de tal forma que não só se entenda bem, mas que não se possa entender de outra forma”. 
Seja preciso A precisão tem íntima relação com a…

A leitura como festa

Artigo| A leitura como festa01 de novembro de 20120 CELSO SISTO* A leitura nunca deveria ser uma tarefa obrigatória. Pelo contrário. Deveria ser sempre uma tarefa encantatória! Ler para ficar encantado! Esse poderia ser um lema para a vida inteira!
Um leitor encantado é cheio de imaginação, pulsante de ideias, feliz com as descobertas que fez, com as vivências que “provou” através da leitura de um determinado texto. Um leitor encantado é vibrante, com vontade de dividir com os outros as maravilhas que conquistou e viveu por meio da leitura. Um leitor encantando consegue responder criativamente aos apelos que o mundo lhe faz e aos apelos que as próximas leituras lhe farão! Um leitor encantado, enfim, é um leitor que sentiu na pele as marcas que a boa leitura proporciona. Um leitor encantado é aberto e sedento de novas leituras! Um leitor com potencial para encantar outros leitores.
Ler é, sim, exercer uma das grandes habilidades do ser humano. É preciso lembrar que nem todo conhecimento …

10 Questões de interpretação com Gabarito

Imagem
O fato de o Brasil, em pleno século XXI, ainda receber o rótulo de economia em desenvolvimento impõe aos gestores públicos a incumbência recorrente de, entre erros e acertos, encontrar soluções que possam contribuir para a transformação do país em uma nação desenvolvida não apenas em termos tecnológicos, mas, principalmente, no que se refere ao oferecimento de condições de igualdade a seu povo. A responsabilidade de contribuir para essa transformação recai também sobre os diversos segmentos da sociedade, seja pelos investimentos da iniciativa privada em pesquisa e desenvolvimento e pela dedicação das organizações não governamentais (ONGs), seja pelos atos de civilidade da sociedade brasileira. Erivelto Rodrigues. As grandes transformações são lentas e silenciosas. In: IstoÉ, set./2015 (com adaptações). Conforme o texto As grandes transformações são lentas e silenciosas,

a) quando o povo brasileiro viver em condições de igualdade, o Brasil alcançará o desenvolvimento tecnológico. b) in…

12 Crônicas

Imagem
A nuvem − Fico admirado como é que você, morando nesta cidade, consegue escrever toda semana sem reclamar, sem protestar, sem espinafrar ninguém! Meu amigo está, como dizem as pessoas exageradas, grávido de razões. Mas que posso fazer? Até que tenho reclamado muito isto e aquilo. Mas se eu ficar rezingando todo dia, estou roubado: quem é que vai aguentar me ler? Além disso, a verdade não está apenas nos buracos das ruas e outras mazelas. Não é verdade que as amendoeiras neste inverno deram um show luxuoso de folhas vermelhas voando no ar? E ficaria demasiado feio eu confessar que há uma jovem gostando de mim? Ah, bem sei que esses encantamentos de moça por um senhor maduro duram pouco. Eles se irão como vieram, leve nuvem solta na brisa, que se tinge um instante de púrpura sobre as cinzas do meu crepúsculo. E olhem só que tipo de frase estou escrevendo! Tome tenência, velho Braga. Deixe a nuvem, olhe para o chão − e seus tradicionais buracos. (Adaptado de: BRAGA, Rubem. Ai de ti, Copacaban…

10 Crônicas

Imagem
Mundo interior
(Martha Medeiros)
A casa da gente é uma metáfora da nossa vida, é a representação exata e fiel do nosso mundo interior. Li esta frase outro dia e achei perfeito. Poucas coisas traduzem tão bem nosso jeito de ser como nosso jeito de morar. Isso não se aplica, logicamente, aos inquilinos da rua, que têm como teto um viaduto, ainda que eu não duvide que até eles sejam capazes de ter seus códigos secretos de instalação. No entanto, estamos falando de quem pode ter um endereço digno, seja seu ou de aluguel. Pode ser um daqueles apartamentos amplos, com pé direito alto e preço mais alto ainda, ou um quarto-e-sala tão compacto quanto seu salário: na verdade, isso determina apenas seu poder aquisitivo, não revela seu mundo interior, que se manifesta por meio de outros valores. Da porta da rua pra dentro, pouco importa a quantidade de metros quadrados e, sim, a maneira como você os ocupa. Se é uma casa colorida ou monocromática. Se tem objetos obtidos com afeto ou se foi tudo es…

Notícias - Subjetividade

De tanto ensinar a vender, veio parar na lista de mais vendidos PUBLISHNEWS, LEONARDO NETO, 29/09/2017 Setembro, o mês que marcou a Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro, praticamente já chegou ao fim. Com isso, é a hora de passar a régua e ver quais os livros que mais venderam durante o mês. Felipe Neto, claro, terminou o período em primeiro lugar da Lista Geral Mensal, com o seu “livrão” que suscitou muitas discussões se o produto era ou não um livro. Ao todo, foram 50.205 cópias vendidas desde o seu lançamento.  A segunda posição ficou ocupada por Paula Pimenta e a quarta temporada de Minha vida fora de série (Gutenberg / Autêntica). Sobre esse, ninguém tem dúvidas: é um livro. No mês, foram 20.203 exemplares vendidos. Na terceira posição, um veterano. Sapiens (L&PM), lançado em 2015, e que voltou com força para a lista depois de uma entrevista que o autor, Yuval Noah Harari, concedeu a Pedro Bial. No mês, foram 16.647 exemplares vendidos. 
NOTÍCIA completa aqui

Frases sobre leitura

“Escrevendo ou lendo unimos-nos para
além do tempo e do espaço, e os
limitados braços se põem a abraçar
o mundo; a riqueza de outros nos
enriquece a nós. Leia.”

AGOSTINHO DA SILVA
Filósofo português (1906-1994)