Programa de aprendizagem e o blá blá blá



Perder tempo em aprender coisas que não interessam, priva-nos de descobrir coisas interessantes.
Carlos Drummond de Andrade
Se eu fosse escrever aqui o que guardo em meu coração relacionado à minha experiência com o Program Jovem Aprendiz (Lei nº. 10.097/2000), eu iria chocar muitas pessoas, e algumas talvez, talvez não! Com certeza iriam levar para o lado pessoal. Mas não há nada disso. Claro que algumas pessoas com as quais eu trabalhei eu não gosto mesmo, não concordo nenhum pouco com a forma que conduzem as instituições, mas enfim.Essa frase aí em cima para mim resume o programa Jovem Aprendiz. Perde-se um tempo precioso da vida dos jovens para não ensinar nada realmente interessante. Passei três anos e alguns meses em contato com esse jovens, e as reclamações são pesadamente largas. Há sim elogios, houve sim muitos que souberam aproveitar, verdadeiros guerreiros. Mas a maior parte não aproveita, não curte, não gosta, não vê sentido e vai sim por obrigação.Quantas vezes eu abri a minha boca para contra-argumentar com algum jovem: "Não está bom aqui? Sai fora então, procura algo melhor, você não está aqui obrigado". Até que um dia um jovem me fez perceber que eles são sim obrigados pelos pais e pela sociedade. Jovem que não trabalha é vagabundo, não presta, não quer nada com nada. É isso que eles ouvem. Algum são isso mesmo, falemos a verdade! Mas não todos. Tem muitaaaaaaaaaaa gente boa nesses programas, mas acabam ficando marrentos e descontes, porque os programas são verdadeiramente CHATOS! Ensina-se muito pouco sobre as coisas que realmente precisam aprender para desenvolverem as atividades nos setores em que trabalham. Calculo que uns 70% é blá blá blá. O programa de aprendizagem/Jovem aprendiz, tem tudo pra ser maravilhoso, tem pessoas maravilhosas que trabalham dando aulas nesses programas, mas o resultado para o jovem nem sempre é satisfatório. Eu apenas lamento. Tenho muito a falar sobre o tema, mas por enquanto fico por aqui, não quero mais blá blá blá, apenas lembro-me que "Perder tempo em aprender coisas que não interessam, priva-nos de descobrir coisas interessantes."Por Julie F. de Pádua Romão

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Exercícios de Interpretação de texto

Higiene Pessoal - INTRODUÇÃO